sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Conversando com os Espíritos

Imagem relacionada
Uma das práticas do Espiritismo mais empregadas é o diálogo com os espíritos. Ela decorre do intercâmbio com o mundo espiritual. Embora no Velho Testamento encontremos afirmações, proibindo o diálogo com os espíritos, no Novo Testamento nada há que o descredencie. Ao contrário, o próprio Jesus nos deu o exemplo, ao dialogar com os espíritos Elias e Moisés, no Monte Tabor. Se Ele agiu assim, é porque o diálogo com os chamados ‘mortos’ nada tem de anormal; é facultado ao homem e tem sua utilidade. Não acreditamos que Jesus iria cometer um simulacro; também não há nenhuma passagem no Evangelho em que o Mestre tenha reprovado o diálogo com os desencarnados.
Nós, espíritas, não achamos que conversar com os espíritos é um desrespeito a eles. Ao contrário, esta prática, quando conduzida de maneira respeitosa e disciplinada, termina sendo um momento alegre e de recordações gratificantes.
Ao se comunicar conosco, os espíritos demonstram que estão ‘vivos’ e dão o testemunho da continuidade da vida. Podemos dizer que é uma vitória da vida sobre a morte, esta que é tão temida entre os incrédulos ou entre os que têm a fé vacilante. Para desvendar este mistério, é importante observar o que diz o Espiritismo.

Co-Criadores

Resultado de imagem para co-criadores
Somos carentes de bons exemplos nos diversos setores da sociedade!
Destarte, é natural que muitos permaneçam desiludidos quanto a um futuro em que, realmente, haja ordem e progresso para todos.
No entanto, esbanjamos otimismo porque confiamos que, pouco a pouco, as coisas tendem a se encaixar e evoluir.
Mas nem por isso olvidamos que, de fato, ainda há pessoas, bem ao nosso lado, que sofrem o drama da vida com agonia e desespero.
A propósito, vamos identificar alguns exemplos comuns:
– neste exato momento, há inúmeros cidadãos aflitos nos postinhos de saúde pública, na expectativa de receberem um digno pronto atendimento (imagine se isso ocorre, afinal, mesmo quando pagamos caro por um atendimento particular, não é incomum sofrermos certo constrangimento e desrespeito nos consultórios médicos e hospitais aos quais recorremos);

domingo, 18 de fevereiro de 2018

Espelho no Mundo

Resultado de imagem para Espelho no Mundo
Os olhos abraçam a beleza do mundo…
São janelas do corpo humano por onde fruem as belezas do existir.
O espírito deve fazer-se semelhante a um espelho, que adota a cor do que olha e se enche de tantas imagens quantas coisas tiver diante de si.
Cansado homem, desnudado, ao ar livre, quis ver a Criação, olhar o mundo.
Bom companheiro, que vê desabrochar as flores da esperança.
Com doçura e compaixão, prossegue, determinado, perscrutando a beleza da Vida.
Vê um rio que corre mansamente, fazendo um burburinho de águas tranquilas.

A Oração Coletiva

Resultado de imagem para A Oração Coletiva
No excepcional livro “Nosso Lar”, ditado pelo espírito André Luiz e psicografado por Francisco Cândido Xavier, temos no capítulo 3 um apontamento muito interessante, pelo que devemos despender grande tempo de meditação sobre o assunto: A Oração Coletiva.
André Luiz nos narra o cenário no momento dessa oração, onde é dirigida pelo Governador da Colônia. Envolvendo-nos com o texto, imaginamos grande número de irmãos da Colônia se dirigirem para aquele momento sublime, sendo que todos os demais acompanham em suas residências e instituições através da audição e visão a distância.
Observemos bem a orientação dada para André Luiz: “Todas as residências e instituições de Nosso Lar estão orando com o Governador, …”. O esclarecimento é claro, e destacamos este comentário por fazer toda diferença neste capítulo, pois poderiam ser apenas algumas ou quase todas, o que não seria a mesma coisa.

Aforismos da Felicidade

Resultado de imagem para Felicidade
A felicidade é uma flor sensível e terna; não suporta o frio da indiferença nem o vendaval da crueldade… Floresce encantos de solidariedade.
A mágoa é úlcera na alma; queima e corrói… Não perdoar é manter circulando um insuportável quantum de ácido na intimidade do nossa vida.
A libertação é afirmação da felicidade de todos, e não um agenciamento do ódio. O guerreiro é um agente da vida; por ela, luta e, por ela, se dá… Assim, cria o novo. Os que se movem pelo ódio destronam o rei e coroam a si próprio. No polo paranóico, sempre o novo é evitado, negado e suprimido; o instituinte, o novo, é parido – fecundado, germinado e desenvolvido nos calorosos ventres do amor.

Mediunidade no Mundo Espiritual

Resultado de imagem para Mediunidade no Mundo Espiritual
Médiuns são os intérpretes dos espíritos, e “O Evangelho Segundo o Espiritismo” esclarece que os médiuns suprem o organismo material que falta a estes, para nos transmitirem as suas instruções”. Mas a mediunidade é exercida apenas entre encarnados ou também ocorre nas outras dimensões?
Nos estudos do livro Obreiros da Vida Eterna, psicografado por Chico Xavier e escrito pelo espírito André Luiz, na Fraternidade Espírita “Casa do Caminho”, aos sábados, em Belo Horizonte, temos encontrado vários exemplos de mediunidade ostensiva no mundo espiritual.
A obra tem como cenário principal a Casa Transitória de Fabiano, instituição cujo objetivo é socorrer espíritos errantes em situação de arrependimento. Foi “fundada por Fabiano de Cristo, devotado servo da Caridade entre antigos religiosos do Rio de Janeiro, desencarnado há muitos anos (…)”. A casa possui recursos de alta tecnologia, e o adjetivo Transitória tem duplo aspecto: porque é um ponto de passagem para espíritos que necessitam de socorro e porque, a cada vez que a Casa sofre um ataque das Trevas, desloca-se. Encontra-se em regiões trevosas, com precipícios infernais e vastíssimas zonas de purgatório…